19 de janeiro de 2011

Segredo .

Desejo aquilo que não posso ter facilmente. É, o impossível me atrai e eu gosto disso. Não importa quantas vezes ouvirei que jamais o terei. Ainda assim, o buscarei. Mesmo que ele me diga não e que me deixe triste, estarei sempre pronta pra ir atrás, quantas vezes ele me chamar. Afinal, o amor é assim: parece impossível, mas é gostoso sentir ele chegar, tirar toda sua força e te deixar com o coração ansioso, insaciável. É uma deliciosa sensação.
Gosto de provar as coisas que não foram feitas pra mim, gosto de buscar sentimentos, gosto de abraçar o que não quer ser abraçado, gosto de sentir o que ninguém quer sentir. É, eu gosto do que não me condiz, e o que isso importa? Eu gosto de me sentir livre e a liberdade pode até ser proibida. Na verdade, o que é rejeitado obviamente, me atrai e me apaixona .



1 Comentários:

Tainã disse...

"Na verdade, o que é rejeitado, obviamente, me atrai e me apaixona"

Lembrei da Clarice ^^

Tá melhorando a cada post, maninha :)

Postar um comentário