9 de março de 2011

Quieto .




Aquiete-se coração, 
jamais voltarei a ouvir teu pulsar.
Aquiete-se coração,
deixa-me viver uma folia particular.