12 de novembro de 2013

Desabafar.

Moerei meus sentimentos sem temer o desconhecido. Ora, que dor é essa dentro do meu coração? O meu mundo submerso dentro de uma ilusão tão profunda que eu já não vejo mais a superfície. Eu grito, mas ninguém pode me ouvir, um medo consome meus sonhos e eu já não sei mais o que escolher. Os meus passos estão marcados por uma sentença que eu não escolhi. E quem fez estas escolhas por mim? Eu estou cheia de perguntas, e quanto mais escolho, ainda mais complicado fica. Estou em um abismo sem fim, e o que posso fazer, se ninguém escuta os meus gritos?! Afogarei minhas dores, dentro de mim mesma, e jamais confessarei os meus pensamentos. A dor é melhor quando fica silenciosa, e o meu socorro já pediu suicídio.

1 Comentários:

Vanessa Santos disse...

Não tive um lapso mas gostei bastante do seu canto! Belo blog!
http://mardeletras2010.blogspot.com.br/2013/11/ha-mais-coisas-entre-o-ceu-e-terra-do.html

Postar um comentário