24 de março de 2014

Responderei sempre.

Se um dia me perguntarem o que sinto por você, eu poderei explicar exatamente. 

Não é que eu não possa viver sem ele, é que a vida não faria sentido sem estar com ele ao meu lado. 

Não é que ele seja meu foco, é que ele mantém o meu coração crente que eu vou conseguir. 
Não é que ele seja o motivo de eu sorrir, é que ele me faz sorrir sem motivo. 
Não é que eu viva por ele, é que só com ele que eu imagino viver. 
Não é que casamento seja meu fascínio, é que não consigo ficar longe dele. 
Não é que eu só me importe com ele, é que ele me faz sentir importante. 
Não é que ele tenha desfeito meus planos, é que ele fez meus planos serem aprimorados quando pediu um espaço em minha vida. 
Eu não preciso explicar o que temos, as pessoas só precisam entender o que sentimos. O amor que temos não é explicável, ele é apenas amor de verdade.

0 Comentários:

Postar um comentário